Os desafios da insularidade e da descontinuidade geográfica
23 Jul'16 | Açores

Os desafios da insularidade e da descontinuidade geográfica

A bastonária visitou a Região Autónoma dos Açores, entre 21 e 23 de julho para contactar com os colegas farmacêuticos açorianos e com eles analisar a atualidade do setor no arquipélago. O Roteiro iniciou-se na ilha Terceira, passou por São Miguel e terminou em Santa Maria, envolvendo visitas a hospitais, farmácia, distribuidor e laboratório de análises clínicas.

[A acompanhar esta jornada de trabalho da bastonária Ana Paula Martins aos Açores estiveram a presidente da Secção Regional do Sul e Regiões Autónomas, Ema Paulino, e a presidente da Delegação Regional dos Açores, Margarida Martins]


O Hospital do Santo Espírito foi o primeiro local visitado pela bastonária nesta deslocação ao Açores

HOSPITAL DO ESPÍRITO SANTO
No primeiro dia (21), a comitiva da Ordem dos Farmacêuticos visitou o Hospital do Santo Espírito, em Angra do Heroísmo, na ilha Terceira, onde foi recebida por todo o Conselho de Administração, bem como pela diretora dos Serviços Farmacêuticos, Daniela Garcia.

Na reunião que antecedeu a visita às instalações da farmácia hospitalar, foram analisadas algumas particularidades da atividade hospitalar em todo o arquipélago, em especial a colaboração com as Unidades de Saúde de Ilha e a relação com os cuidados de saúde primários.

Os responsáveis do hospital relevaram também as linhas gerais do projeto de renovação das instalações da farmácia, nomeadamente da unidade de citotóxicos, cujas obras devem arrancar no segundo semestre de 2016 e que se espera venham a resolver alguns problemas com que os profissionais se confrontam.

A bastonária falou sobre algumas iniciativas atualmente em curso no continente, relacionados com o acesso ao medicamento, como a Via Verde do Medicamento e a dispensa de medicamentos antiretrovíricos nas farmácias comunitárias. Ana Paula Martins enfatizou o tema da Carreira Farmacêutica no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e nas organizações congéneres nas Regiões Autónomas (Saudaçor e Sesaram), explicando as motivações e a importância da sua implementação, e reforçando o seu carácter transversal, ao abranger farmacêuticos hospitalares e analistas.

No caso específico dos farmacêuticos especialistas em análises clínicas, foram abordadas nesta reunião com o Conselho de Administração as competências e responsabilidades no âmbito do laboratório de patologia clínica, nomeadamente no que se refere à validação biopatológica.

Após esta reunião, a comitiva da OF foi conduzida numa visita pelas diferentes áreas dos Serviços Farmacêuticos, havendo nesta fase lugar à partilha de experiências com os colegas farmacêuticos e restantes membros da equipa da farmácia.



João Pedro Toste de Freitas, proprietário e diretor técnico do laboratório, foi presidente da delegação da OF nos Açores durante mais de vinte anos

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS BRUM & FREITAS
No segundo dia (22), as responsáveis da OF visitaram o Laboratório de Análises Clínicas Brum & Freitas, sedeado na Praia da Vitória. A propriedade e direção técnica deste laboratório de referência da ilha Terceira é assumida por João Pedro Toste de Freitas, farmacêutico especialista em Análises Clínicas que durante mais de 20 anos assumiu a presidência da Delegação Regional dos Açores da Ordem dos Farmacêuticos.

A OF tem vindo a defender a importância destas unidades de saúde privadas, que prestam um serviço de proximidade, em complementaridade com o setor público, através de convenções, e que asseguram uma elevada cobertura geográfica, um serviço de qualidade certificado pelos mais exigentes normativos nacionais e internacionais, além de emprego altamente qualificado.

Esta deslocação deixou evidente a relevância que os laboratórios assumem no sistema de saúde, não só pelo volume de exames complementares de diagnóstico diariamente realizados, como pela sua capacidade de resposta e grau de satisfação dos utentes.

Estas unidades têm vindo a efetuar relevantes investimentos em infraestruturas e equipamentos inovadores e altamente dispendiosos, contudo, têm sido confrontados com constantes ameaças à sua viabilidade económica e financeira, fruto de decisões administrativas avulsas, como a internalização deste tipo de exames em unidades públicas hospitalares, sem qualquer tipo de estudo que demonstre mais-valias clínicas e económicas para essa decisão.



Ana Paula Martins foi conduzida numa visita pelas diferentes áreas dos Serviços Farmacêuticos do Hospital do Divino Espírito Santo

HOSPITAL DO DIVINO ESPÍRITO SANTO
A deslocação da bastonária da OF aos Açores prosseguiu na ilha de São Miguel, ainda no dia 22 de julho, com uma visita ao Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada. Também aqui a bastonária e as restantes dirigentes da OF foram recebidas pelo Conselho de Administração, numa reunião em que foram debatidos alguns desafios resultantes da insularidade e descontinuidade geográfica, realidades que requerem, por exemplo, um rigoroso planeamento na gestão de stocks.

Outro dos temas abordados no encontro foi a dispensa de medicamentos em unidose pelos serviços farmacêuticos aos doentes do Serviço Regional de Saúde. Ao contrário de outras regiões do País, o sistema mantém-se em vigor, desde 2012, tendo a bastonária constatado in loco os procedimentos associados a este modelo.

A farmacêutica administradora Madalena Melo guiou a comitiva da OF pelos Serviços Farmacêuticos, apresentando os colaboradores e descrevendo as suas  funções e responsabilidades, tendo promovido também uma reunião com as farmacêuticas responsáveis pelo Serviço, durante o qual foi transmitida às dirigentes da OF a importância de se promover uma maior partilha de conhecimentos entre os profissionais do setor, como sejam os manuais de procedimentos ou outros documentos orientadores elaborados nos Serviços Farmacêuticos por todo o País.



O setor da distribuição, de acordo com os responsáveis da Proconfar, está a recuperar paulatinamente da crise económica e financeira que afeta todo o setor farmacêutico

PROCONFAR
Ainda em São Miguel, as dirigentes da OF visitaram as instalações do distribuidor grossista Proconfar, na zona da Ribeira Grande. A comitiva foi recebida pela administração da empresa e com ela analisou as questões relacionadas com o abastecimento de medicamentos à Região Autónoma dos Açores, bem como com as dificuldades económicas e financeiras das farmácias da região.

De acordo com os responsáveis da Proconfar, o setor atravessa ainda um período delicado, embora as perspetivas sejam mais otimistas. Há maior estabilidade no abastecimento do mercado e na conjuntura que as farmácias atravessam, pelo que se estima que o setor venha a ultrapassar definitivamente os problemas recentes, resultantes, fundamentalmente, da crise que afetou todo o País.



A Farmácia Avenida, em Santa Maria, disponibiliza vários serviços aos utentes desta pequena ilha açoriana com cerca de seis mil habitantes

FARMÁCIA AVENIDA SANTA MARIA
No último dia da visita aos Açores (23 de julho), a bastonária deslocou-se à ilha de Santa Maria, onde visitou a Farmácia Avenida, uma unidade inaugurada há apenas dois anos pela proprietária e diretora técnica, Alexandra Correia.

As instalações da farmácia, projetadas de raiz por esta farmacêutica, traduzem-se num espaço moderno, acolhedor, totalmente funcional e apto para a prestação de todo o tipo de serviços farmacêuticos à comunidade.

Não obstante as dificuldades que todo o setor tem vindo a atravessar, a Farmácia Avenida tem sido capaz de responder às necessidades da população mariense em matéria de assistência farmacêutica, assegurando a acessibilidade ao medicamento e disponibilizando serviços diferenciados, nomeadamente no âmbito do apoio a doentes polimedicados.



As dirigentes da OF promoveram uma reunião num hotel em Ponta Delgada, para analisar os problemas que afetam o exercício profissional dos farmacêuticos em todo o arquipélago

REUNIÃO DE TRABALHO COM FARMACÊUTICOS AÇORIANOS
Antes de terminar o Roteiro aos Açores, a bastonária, a presidente da SRSRA e a presidente da Delegação dos Açores promoveram, em Ponta Delgada, uma reunião de trabalho com os farmacêuticos locais para debater alguns desafios da profissão na região autónoma.

Entre os assuntos abordados neste encontro estiveram os contributos que os profissionais de saúde podem dar para a sustentabilidade e desenvolvimento dos Serviços de Saúde, quer a nível nacional, quer regional, e a revisão legislativa em curso dos Atos em Saúde, entre os quais o Ato Farmacêutico.

O plano de estudos do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas foi outro dos temas abordados, tendo-se sublinhado alguma desadequação à prática profissional, em especial na componente clínica, algo a que a OF pretende dar resposta através da Plataforma Ensino-Profissão.

Um dos principais problemas identificados por alguns dos farmacêuticos açorianos diz respeito ao setor das Análises Clínicas. Além das dificuldades já referidas e relacionadas com a internalização dos exames complementares de diagnóstico ou com o atraso no pagamento nas convenções o principal desafio que se coloca ao exercício profissional nesta área é o de promover o interesse dos jovens farmacêuticos pela especialidade das Ciências Farmacêuticas.

Ainda no âmbito da formação, os colegas açorianos apresentaram algumas necessidades específicas e regionais, tendo em vista o desenvolvimento profissional contínuo e a aquisição de novas competências.


Outros Roteiros

07 Mai'18 | Açores De ilha em ilha, com a profissão no horizonte Os Roteiros Farmacêuticos regressaram aos Açores, para mais um conjunto de visitas aos farmacêuticos do arquipélago e aos locais onde estes exercem a sua atividade,... Ler Mais
17 Abr'18 | Portalegre Fixar profissionais é o maior desafio das unidades do interior A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos visitou no dia 17 de abril a Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), que engloba os Hospitais Dr. José Maria... Ler Mais
19 Dez'17 | Tomar Um modelo de laboratório clínico a preservar A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF) visitou, no dia 19 de dezembro, o laboratório de análises clínicas Fernanda Galo Laboratórios, em Tomar, em mais uma... Ler Mais
18 Jul'17 | Pedrogão Grande Tragédias que despertam a solidariedade farmacêutica Enquanto estruturas de proximidade da população, as farmácias conhecem e vivem de perto os problemas das comunidades que servem. Em Pedrógão Grande, Figueiró dos... Ler Mais
12 Jul'17 | Alentejo Profissionalismo e proximidade dos farmacêuticos alentejanos Sob o tórrido e típico calor de verão alentejano, a bastonária da Ordem dos Farmacêuticos, Ana Paula Martins, visitou nos dias 10 e 12 de julho os colegas dos... Ler Mais
20 Jun'17 | Braga Gestão privada que serve o interesse público O Hospital de Braga foi considerado o melhor hospital do país na avaliação recentemente divulgada pela Entidade Reguladora da Saúde. Em vários rankings e... Ler Mais
05 Jun'17 | Lisboa Polícia Científica e Ciências Farmacêuticas com ligação umbilical O Laboratório de Polícia Científica é um dos laboratórios mais avançados do mundo, com tecnologia de ponta e recursos humanos altamente qualificados. As suas origens... Ler Mais
05 Jun'17 | Sintra A única profissão de saúde com valências na produção Os farmacêuticos de indústria estão presentes, de forma transversal, em todo o processo de desenvolvimento e produção de fármacos. Desde a direção técnica das... Ler Mais
05 Mai'17 | Trás-os-Montes e Alto Douro Bons exemplos no nordeste do país Quatro dias no interior de Portugal para conhecer as dificuldades e os desafios de quem luta diariamente contra a desertificação. O Roteiro que levou a bastonária às... Ler Mais
18 Abr'17 | Santarém Assistência farmacêutica na região do Médio Tejo A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos, Ana Paula Martins, visitou, no dia 18 de março, o distrito de Santarém, em mais uma iniciativa integrada no projeto "Roteiros... Ler Mais
21 Mar'17 | Oeiras Profissionais de saúde no sistema de saúde prisional Impulsionados pela bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF), os bastonários das Ordens dos Enfermeiros e dos Médicos acompanharam Ana Paula Martins na visita ao... Ler Mais
17 Mar'17 | Coimbra Laboratórios que prezam a qualidade e proximidade O Roteiro Farmacêutico realizado no dia 17 de março, na cidade de Coimbra, envolveu a visita a dois laboratórios de análises clínicas dirigidos por duas farmacêuticas... Ler Mais
02 Mar'17 | Lisboa Farmacêuticas nos cuidados de saúde primários Serão pouco mais de meia centena os farmacêuticos que trabalham nas cinco Administrações Regionais de Saúde do País. Na região de Lisboa e Vale do Tejo, reside um dos... Ler Mais
06 Fev'17 | Portimão Intervenção farmacêutica nos serviços públicos algarvios Na primeira vez que se deslocou ao Algarve no âmbito dos Roteiros Farmacêuticos, a bastonária contactou com três áreas distintas de intervenção profissional dos... Ler Mais
05 Dez'16 | Loures Farmácia Hospitalar em hospital PPP A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos visitou, no dia 5 de dezembro, o Hospital Beatriz Ângelo (HBA), em Loures, onde foi recebida pelo administrador executivo,... Ler Mais
29 Nov'16 | Penafiel Dispositivos médicos de produção nacional A Bastos Viegas é um dos vários bons exemplos de empresas portuguesas altamente credenciadas a nível internacional. É referência a nível mundial na área dos... Ler Mais
29 Nov'16 | Porto Cada farmácia com a sua história e experiências Foram quatro as farmácias visitadas pela bastonária durante o Roteiro realizado na região Porto. Separadas pelo Douro ? duas no Porto; duas em Vila Nova de Gaia ?... Ler Mais
28 Nov'16 | Porto Qualidade, segurança e eficácia na terapêutica oncológica O Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto recebeu no dia 28 de novembro a visita da bastonária da Ordem dos Farmacêuticos. O presidente do Conselho de... Ler Mais
29 Out'16 | Ponte de Lima Uma profissão com muitas referências Manuel Pimenta é um dos mais distintos farmacêuticos do nosso País e uma personalidade de referência na vila que ostenta o título de mais antiga de Portugal: Ponte de... Ler Mais
28 Out'16 | Vila Nova de Gaia Farmacêuticos hospitalares compensam com esforço o subfinanciamento da saúde Em visita aos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E), a bastonária louvou o esforço dos farmacêuticos hospitalares que... Ler Mais
28 Out'16 | Porto Transformar conhecimento em valor económico A bastonária foi conhecer a incubadora de empresas da Universidade do Porto - UPTEC-Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto - para perceber os apoios... Ler Mais
17 Jul'16 | Madeira Em contacto com os farmacêuticos madeirenses Nos dias 15, 16 e 17 de julho, a bastonária deslocou-se à Região Autónoma da Madeira, em mais uma etapa dos Roteiros Farmacêuticos, que passou pelo hospital,... Ler Mais
12 Jul'16 | Lisboa Antigas instalações da farmácia privada são agora para o ambulatório hospitalar A convite do presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN), Carlos Martins, a bastonária da OF, Ana Paula Martins, deslocou-se no... Ler Mais
08 Jul'16 | Figueira da Foz Serviços farmacêuticos à medida da população A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF) visitou a 8 de julho a Farmácia Saúde e a Farmácia Saúde Lavos, ambas no concelho da Figueira da Foz. As diretoras... Ler Mais
25 Mai'16 | Lisboa Responsabilidade farmacêutica em oncologia Os farmacêuticos que trabalham no Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil (IPOLFG) são responsáveis, mensalmente, pela preparação de mais de 3 mil... Ler Mais
11 Mai'16 | Vila Franca de Xira Mais de 200 farmacêuticos a servir nos arredores A "primeira etapa" dos Roteiros Farmacêuticos passou pelo concelho de Vila Franca de Xira, nos arredores de Lisboa. A bastonária visitou algumas unidades de saúde... Ler Mais