Fixar profissionais é o maior desafio das unidades do interior
17 Abr'18 | Portalegre

Fixar profissionais é o maior desafio das unidades do interior

A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos visitou no dia 17 de abril a Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), que engloba os Hospitais Dr. José Maria Grande, em Portalegre, e Santa Luzia, em Elvas, e o Agrupamento de Centros de Saúde de São Mamede, que abrange todo o distrito. No interior do país, o maior desafio que estas unidades de saúde enfrentam é a fixação de profissionais e manutenção de um quadro de pessoal qualificado que não provoque disrupções na prestação de cuidados de saúde.

Antes de iniciar a visita aos Serviços Farmacêuticos da ULSNA, a bastonária foi recebida pelo presidente do Conselho de Administração (CA), João Moura Reis, com quem já tinha aliás estalecido contactado no âmbito do projeto "Roteiros Farmacêuticos”, durante a passagem pela Administração Regional de Saúde do Algarve, na altura em que este assumia presidência.

Desta feita, os dois responsáveis analisaram alguns desafios das unidades de saúde situadas nas regiões do interior do país, como é o caso da ULSNA, e realçaram as dificuldades acrescidas na captação e fixação de profissionais de saúde no interior.

De acordo com o presidente do CA, a dificuldade não reside tanto na contratação de recursos, mas na sua fixação nestas regiões. Os concursos são preenchidos e os candidatos colocados, mas para a maioria é apenas uma passagem no seu percurso profissional.

A bastonária recordou preocupações comuns transmitidas por outros administradores hospitalares durante estas visitas dos "Roteiros Farmacêuticos”. Neste domínio, destacou algumas vantagens dos hospitais centrais/distritais relativamente a outras unidades de menor dimensão, uma vez que dispõem de mais valências, mais tecnologia e equipamentos, e em que o percurso formativo acaba por ser mais rápido, com menos concorrência e maior polivalência.

Na sua opinião, o investimento em equipamentos e instalações para estas unidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) contribui também para atrair mais profissionais.

No que aos farmacêuticos diz respeito, a dirigente da OF recordou a recente criação da Carreira Farmacêutica no SNS e o início da passagem dos farmacêuticos hospitalares com contrato de trabalho em funções públicas para esta carreira autónoma e diferenciada.

Lembrou também as negociações em curso com o Ministério da Saúde para instituição do Internato Farmacêutico, que permitirá definir anualmente o número de vagas e locais onde a contratação de farmacêuticos é mais urgente.

Os Serviços Farmacêuticos da ULSNA foram alvo de obras de remodelação há cerca de dois anos, que proporcionaram mais e melhores condições para os farmacêuticos desenvolverem as suas atividades, como a preparação de citotóxicos, por exemplo. Sob a direção da farmacêutica, Cristina Crucho, a equipa de oito farmacêuticos (cinco em Portalegre; três em Elvas) assume responsabilidades na aquisição, armazenamento e distribuição de medicamentos em dose unitária nos dois hospitais e nos centros de saúde, onde dispõem de armazéns avançados.

A farmácia dispõe também de um espaço para o ambulatório hospitalar, onde são dispensados medicamentos de utilização exclusiva nos hospitais. A diretora técnica explicou que as limitações em termos de pessoal, impedem o desenvolvimento de outras atividades que gostaria de implementar e que só podem ser executadas por farmacêuticos.

A responsável da farmácia reconheceu o empeno do CA em resolver algumas destas situações, que tornam difícil a gestão de férias, folgas, licenças ou baixas médicas. As carências estão identificadas, os pedidos realizados, aguardando-se autorização superior por parte da administração central.

No final da visita, a bastonária enfatizou o importante papel que os profissionais de saúde desempenham nas regiões do interior, onde têm outras motivações e um estilo de vida totalmente distinto dos grandes centros urbanos.

Ana Paula Martins insistiu também que as populações do interior têm os mesmos direitos no acesso a cuidados de saúde com qualidade e segurança.

Outros Roteiros

21 Set'18 | Açores Visão completa da Farmácia açoriana Graciosa, Flores e São Miguel foram as ilhas visitadas neste terceiro Roteiro Farmacêutico na Região Autónoma dos Açores. Nas duas primeiras, os dirigentes da OF... Ler Mais
07 Mai'18 | Açores De ilha em ilha, com a profissão no horizonte Os Roteiros Farmacêuticos regressaram aos Açores, para mais um conjunto de visitas aos farmacêuticos do arquipélago e aos locais onde estes exercem a sua atividade,... Ler Mais
19 Dez'17 | Tomar Um modelo de laboratório clínico a preservar A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF) visitou, no dia 19 de dezembro, o laboratório de análises clínicas Fernanda Galo Laboratórios, em Tomar, em mais uma... Ler Mais
18 Jul'17 | Pedrogão Grande Tragédias que despertam a solidariedade farmacêutica Enquanto estruturas de proximidade da população, as farmácias conhecem e vivem de perto os problemas das comunidades que servem. Em Pedrógão Grande, Figueiró dos... Ler Mais
12 Jul'17 | Alentejo Profissionalismo e proximidade dos farmacêuticos alentejanos Sob o tórrido e típico calor de verão alentejano, a bastonária da Ordem dos Farmacêuticos, Ana Paula Martins, visitou nos dias 10 e 12 de julho os colegas dos... Ler Mais
20 Jun'17 | Braga Gestão privada que serve o interesse público O Hospital de Braga foi considerado o melhor hospital do país na avaliação recentemente divulgada pela Entidade Reguladora da Saúde. Em vários rankings e... Ler Mais
05 Jun'17 | Lisboa Polícia Científica e Ciências Farmacêuticas com ligação umbilical O Laboratório de Polícia Científica é um dos laboratórios mais avançados do mundo, com tecnologia de ponta e recursos humanos altamente qualificados. As suas origens... Ler Mais
05 Jun'17 | Sintra A única profissão de saúde com valências na produção Os farmacêuticos de indústria estão presentes, de forma transversal, em todo o processo de desenvolvimento e produção de fármacos. Desde a direção técnica das... Ler Mais
05 Mai'17 | Trás-os-Montes e Alto Douro Bons exemplos no nordeste do país Quatro dias no interior de Portugal para conhecer as dificuldades e os desafios de quem luta diariamente contra a desertificação. O Roteiro que levou a bastonária às... Ler Mais
18 Abr'17 | Santarém Assistência farmacêutica na região do Médio Tejo A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos, Ana Paula Martins, visitou, no dia 18 de março, o distrito de Santarém, em mais uma iniciativa integrada no projeto "Roteiros... Ler Mais
21 Mar'17 | Oeiras Profissionais de saúde no sistema de saúde prisional Impulsionados pela bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF), os bastonários das Ordens dos Enfermeiros e dos Médicos acompanharam Ana Paula Martins na visita ao... Ler Mais
17 Mar'17 | Coimbra Laboratórios que prezam a qualidade e proximidade O Roteiro Farmacêutico realizado no dia 17 de março, na cidade de Coimbra, envolveu a visita a dois laboratórios de análises clínicas dirigidos por duas farmacêuticas... Ler Mais
02 Mar'17 | Lisboa Farmacêuticas nos cuidados de saúde primários Serão pouco mais de meia centena os farmacêuticos que trabalham nas cinco Administrações Regionais de Saúde do País. Na região de Lisboa e Vale do Tejo, reside um dos... Ler Mais
06 Fev'17 | Portimão Intervenção farmacêutica nos serviços públicos algarvios Na primeira vez que se deslocou ao Algarve no âmbito dos Roteiros Farmacêuticos, a bastonária contactou com três áreas distintas de intervenção profissional dos... Ler Mais
05 Dez'16 | Loures Farmácia Hospitalar em hospital PPP A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos visitou, no dia 5 de dezembro, o Hospital Beatriz Ângelo (HBA), em Loures, onde foi recebida pelo administrador executivo,... Ler Mais
29 Nov'16 | Penafiel Dispositivos médicos de produção nacional A Bastos Viegas é um dos vários bons exemplos de empresas portuguesas altamente credenciadas a nível internacional. É referência a nível mundial na área dos... Ler Mais
29 Nov'16 | Porto Cada farmácia com a sua história e experiências Foram quatro as farmácias visitadas pela bastonária durante o Roteiro realizado na região Porto. Separadas pelo Douro ? duas no Porto; duas em Vila Nova de Gaia ?... Ler Mais
28 Nov'16 | Porto Qualidade, segurança e eficácia na terapêutica oncológica O Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto recebeu no dia 28 de novembro a visita da bastonária da Ordem dos Farmacêuticos. O presidente do Conselho de... Ler Mais
29 Out'16 | Ponte de Lima Uma profissão com muitas referências Manuel Pimenta é um dos mais distintos farmacêuticos do nosso País e uma personalidade de referência na vila que ostenta o título de mais antiga de Portugal: Ponte de... Ler Mais
28 Out'16 | Vila Nova de Gaia Farmacêuticos hospitalares compensam com esforço o subfinanciamento da saúde Em visita aos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E), a bastonária louvou o esforço dos farmacêuticos hospitalares que... Ler Mais
28 Out'16 | Porto Transformar conhecimento em valor económico A bastonária foi conhecer a incubadora de empresas da Universidade do Porto - UPTEC-Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto - para perceber os apoios... Ler Mais
23 Jul'16 | Açores Os desafios da insularidade e da descontinuidade geográfica A bastonária visitou a Região Autónoma dos Açores, entre 21 e 23 de julho para contactar com os colegas farmacêuticos açorianos e com eles analisar a atualidade do... Ler Mais
17 Jul'16 | Madeira Em contacto com os farmacêuticos madeirenses Nos dias 15, 16 e 17 de julho, a bastonária deslocou-se à Região Autónoma da Madeira, em mais uma etapa dos Roteiros Farmacêuticos, que passou pelo hospital,... Ler Mais
12 Jul'16 | Lisboa Antigas instalações da farmácia privada são agora para o ambulatório hospitalar A convite do presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN), Carlos Martins, a bastonária da OF, Ana Paula Martins, deslocou-se no... Ler Mais
08 Jul'16 | Figueira da Foz Serviços farmacêuticos à medida da população A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF) visitou a 8 de julho a Farmácia Saúde e a Farmácia Saúde Lavos, ambas no concelho da Figueira da Foz. As diretoras... Ler Mais
25 Mai'16 | Lisboa Responsabilidade farmacêutica em oncologia Os farmacêuticos que trabalham no Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil (IPOLFG) são responsáveis, mensalmente, pela preparação de mais de 3 mil... Ler Mais
11 Mai'16 | Vila Franca de Xira Mais de 200 farmacêuticos a servir nos arredores A "primeira etapa" dos Roteiros Farmacêuticos passou pelo concelho de Vila Franca de Xira, nos arredores de Lisboa. A bastonária visitou algumas unidades de saúde... Ler Mais